17/04/2016

[Resenha #13] Entrevista com o Vampiro - A História de Cláudia - Anne Rice @editorarocco









Autora: Anne Rice
Lançamento: 2014
Estante: Skoob - Goodreads
Editora: Rocco
Páginas: 224
Literatura: Estrangeira
Gênero: Quadrinhos
Estrelas: 5/5
Comprar: Amazon - Submarino




Ela é a vampira que nunca deveria ter sido. Sua própria existência é tida como uma abominação entre as criaturas da noite. Com a luxúria de uma predadora aprisionada no corpo de uma criança, ela se move através das sombras de um mundo sempre fora de seu alcance. Órfã, filha, vítima e monstro. Esta é a história de Cláudia.
Esta não é simplesmente uma adaptação para os quadrinhos de Entrevista com o Vampiro, best-seller de Anne Rice que virou filme em 1994. Meticulosamente ilustrado por Ashley Marie Witter, a versão em graphic novel do livro de estreia da rainha dos vampiros reconta a história sob um ponto de vista inédito: o da vampira criança Cláudia, a imortal de 6 anos de idade, órfã e assassina, vítima e monstro, representada por Kirsten Dunst na versão cinematográfica. As ilustrações em tons de sépia retratam fielmente os personagens andróginos de Rice e ainda reforçam o clima sensual e sombrio da obra original, renovando e enriquecendo a narrativa. 


Anne Rice é sem dúvida uma autora que dispensa apresentações. Com suas crônicas vampirescas, Anne Rice adquiriu não só uma legião de fãs, como ganhou também vários prêmios. Após vários anos sem escrever nenhum livro sobre vampiros Anne volta a nos agraciar com essa maravilhosa história sobre a vida de Cláudia.



O livro “Entrevista com o vampiro” foi publicado em 1976 e seria esse o primeiro livro de uma séria de crônicas sobre vampiros que levariam Anne Rice a fama. Nesse livro temos Lestat, Cláudia e Louis, que narra à história, como protagonistas. E no decorrer do livro vemos o desenrolar da relação entre os personagens, o amadurecimento da pequena Claúdia que deixa de ser apenas uma criança para se tornar uma mulher em corpo infantil, o egoísmo de Lestat e a inocência de Louis.




Em Entrevista com o vampiro – A história de Cláudia temos a mesma história que o livro Entrevista com o vampiro, mas contada pela visão de Cláudia. A história começa no momento em que Cláudia ‘acorda’ como vampira e segue até o momento em que Cláudia morre, nos mostrando nesse meio as emoções, os pensamentos e algumas cenas que não aparecem no outro livro.

No decorrer do livro nos é mostrado à mudança de comportamento de Cláudia e o crescimento dela, deixando de ser a criança que era quando foi transformada em vampira e se tornando uma mulher sedutora, manipuladora e fatal condenada a viver eternamente em um corpo de criança. Vemos também a relação de Cláudia com Lestat e Louis, que em primeiro momento sentia uma admiração muito grande por Lestat, passa a odiar e desprezar ele de tal maneira que tenta matá-lo algumas vezes e seu amor por Louis, seu eterno amante a quem ela manipula. 

Confesso que esse livro me deu outra visão da personagem que no livro anterior me pareceu muito cruel. Mas nesse livro podemos ver outro lado da personagem que não nos foi mostrado em Entrevista com o vampiro e isso tirou um pouco da impressão ruim que eu tinha dela. 

A ilustradora /Ashley Witter fez um trabalho incrível na graphic novel que é toda em tom de sépia, o que deu um tom vintage a toda HQ e deixou os cenários das cidades fantásticos e deslumbrantes. Witter deu cor apenas ao que levava vermelho e laranja, sangue e fogo, dando um toque dramático às páginas.


Eu recomendo esse livro para quem ainda não conhece as obras da autora, ele é muito fácil de ler e a leitura é bem rápida, eu terminei de ler em algumas horas. Para quem já conhece as crônicas vampirescas simplesmente vai amar essa graphic novel.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANUSCRITO LITERÁRIO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS