20/05/2016

[Resenha #17] Book Challenger 2016: Sweet Home - Tillie Cole

1ª Etapa do Book Challenge


Tema Escolhido: 
1 - Leia um livro de um autor que você nunca leu antes

Resenha enviada por:
Nedi Luppi


Com vinte anos, Molly Shakespeare já sabia muito. Ela conhecia Descartes e Kant.Ela conhecia a Universidade de Oxford como a palma da mão. Ela sabia que aqueles que a amavam podiam abandoná-la. Ela sabia se virar sozinha. Mas quando Molly deixa o céu cinzento da Inglaterra para trás e começa uma nova vida na Universidade do Alabama, descobre que ainda tem muito a aprender, não sabia que um verão poderia ser tão quente, não sabia que os estudantes podiam ser tão intimidantes e certamente não sabia o quanto as pessoas do Alabama gostavam de futebol americano.Um encontro casual com o notório Quarterback, Romeo Prince, a deixa incapaz de pensar em qualquer coisa além dos seus olhos chocolate, cabelos loiros escuros, e físico perfeito, Molly logo se dá conta que sua vida tranquila e solitária está a ponto de mudar, dramaticamente, para sempre.


Molly, no decorrer de sua carreira acadêmica, saiu do Reino Unido e foi para o EUA. Lá conheceu Romeo, seu amado Romeo. Romeo me surpreendeu? Sim. Foi clichê a relação deles? Acho que sim. Já li historias parecidas? Muitas. Eu ri com esse livro, fiquei triste e impaciente, reações comuns quando você se envolve.

Na minha humilde opinião um dos melhores livros florzinhas que li! Ela é uma CDF, ele o astro super fodástico do time de futebol americano. Mas pra quem acha que é mais do mesmo, o livro surpreende do início ao fim. 

Romeo é lindo, pele bronzeada, olhos cor de chocolate, cabelo loiro, meio cumprido e já disse lindo???. Ok, ele é lindo!!!o que me surpreendeu nele é que em nenhum momento ele é esnobe, idiota ou faz merda (Tá! Só no começo antes de conhecer e se apaixonar pela Molly... mas é que também né gente, haja força pra resistir a tanta mulher se jogando em cima né!!) E o melhor, mesmo novinho, ele é macho alpha, dominador, sexy para caralho, especialista em orgasmos e mestre na arte dos dedinhos!! 

Romeo não comete um vacilo, é simplesmente perfeito do início ao fim. Romeo tem problemas com os pais e eu pensava o tempo todo: que vontade de matar esses FDP. Como tem pessoas que se dizem pais e fazem isso?? Meu deus!!! 

Romeo é tão perfeito e não cometia nenhum deslize que eu pensava o tempo todo que ele ia fazer alguma merda ou cair na da ruiva vaca. Ou cair numa armação dos pais dele porque eu olhava onde tava lendo e tava na metade do livro ai pensava tipo, vai acontecer algo pra dar continuidade na história porque senão fica sem graça e falta muito. A autora prova que não é preciso o mocinho aprontar algo pra ter assunto pra continuar a historia. 

Molly é uma CDF inglesa, vítima dos acontecimentos da vida. Mas é forte, não é chorona, não se faz de coitada, ela assume as coisas de frente e não se deixa intimidar... Faz umas burradas, mas e quem não faz né? 

Mocinho perfeito, mocinha forte, uma mãe que é uma bruxa má, uma líder de torcida safada que sempre se joga em cima do mocinho e os amigos, uma vaca pra tentar separar o casal, amigos leais... adoro a Cass, mulher texana, com quase dois metros de altura, mais de 100 quilos e é pura ousadia e não tem trava na língua!! 

Podem mergulhar nessa história sem medo de ser feliz! É UMA LEITURA OBRIGATÓRIA. 

Apaixonar-se por Romeo é inevitável!! Preparem-se para um mix de emoções!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MANUSCRITO LITERÁRIO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS