Título: Maria, Uma história de amor e esperança

Autor (a): Ed Odecam

Lançamento: 2018
Estante: Skoob
Páginas: 78
Editora: Lura Editorial
Compra: Amazon - Lura
Literatura: Estrangeira

Gênero: Drama, Romance

Estrelas: 3/5
Sinopse: É comum ver pessoas queixando-se da vida, quando na verdade se esquecem de olhar para dentro de si e ver o que é realmente importante...
Este livro nos apresenta Maria. Uma mulher de história incrível, salva pessoas para quem a vida não foi muito boa. Ela desaparece misteriosamente após passar adiante a Mensagem de Deus.
Em um mundo onde as pessoas vivem somente do "eu" sou "eu" quero, Maria nos apresenta novos princípios para ajudar as pessoas. E recorre a Sara Lamartine para transmitir sua mensagem, dizendo-lhe que sua missão ainda não está completa. Dia após dia as duas se encontram no apartamento de Maria nos fundos do estacionamento para conversar. De modo simples e agradável, Maria nos presenteia com ideias capazes de mudar nossa vida para melhor.
Durante a leitura, o resumo dos pontos mais importantes do livro e reflexão sobre este ajuda na construção das qualidades pessoais necessárias para que você seja um profissional apto a trabalhar em qualquer empresa no século atual, que valoriza o conhecimento e a capacidade de coordenar multitarefas.

**ML**


Livro cedido em parceria com a editora.

Não posso deixar de falar desde o início que este livro aborda a fé, não que ele seja religioso. Porém, é importante dizer que nele a mensagem de Deus é um dos principais assuntos. Além de trazer muitas reflexões para a vida.

Em Maria, vamos conhecer Sara Lamartine, uma escritora que está começando a fazer sucesso com seu terceiro livro publicado, que trabalha compulsivamente e independente, fundadora da própria empresa.

Com sua vida bem-sucedida e suas ambições conquistada, Sara não vivia nada além de trabalho.

Quando ela encontra uma senhora bem idosa na companhia de um cachorro, sua atenção é aguçada e ela se aproxima. Desenvolvendo assim uma linda amizade com Maria.

“Uma das coisas mais infelizes de nossa existência é trabalhar horas a fio, dia após dia, apenas por dinheiro. E aí está o motivo pelo qual as pessoas trazem infelicidade e sofrimento para si próprias e para os demais.”


As duas mantém opiniões diferentes sobre a vida e a fé, mas Maria pouco a pouco vai mudando alguns dos preceitos de Sara e deixando a mensagem clara de sua vida.

Infelizmente Sara só percebe isso depois que algo fatídico acontece, mas amor, confiança, respeito e fé já são sentimentos com os quais ela se identifica.


Não posso me estender muito, senão vou acabar deixando algum spoiler. A obra, Maria, é um bom livro para dar de presente àquele amigo desmotivado, desacreditado. As mensagens que ele contém são profundamente intensas.

O autor nos deixa um grande desejo de querer mais, não só da vida. Mais de nós mesmo, que muitas vezes nos deixamos ser influenciados pelo cotidiano e deixamos as coisas simples, que são as melhores, passarem despercebidas.

A edição e diagramação da Lura estão maravilhosas. Minhas 3 estrelas são unicamente porque eu desejava mais história no final do livro coisas de leitora maluca rs.

Recomendo sim a leitura, vocês não irão sair sem ter no que pensar desse livro.

Beeeijos

See ya!

17 Comentários

  1. Eu amei a capa do livro, até me interessaria pela história se não tivesse essa parte da conversa toda sobre Deus e fé, não faz muito meu estilo.
    Não conhecia a editora, espero ver mais livros dela por aqui...

    ResponderExcluir
  2. Oi oi!

    Tudo bem? Maria parece ter uma história bastante encantadora e eu fiquei bem feliz com o seu comentário sobre ao terminar a leitura você ter ficado com um sentimento de querer mais da vida. Um livro que deixa no leitor esse tipo de impressão só pode ser maravilhoso. Dica devidamente anotada!

    Beijinhos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  3. Eu li esse livro ontem e achei ele uma graça.
    Apesar da mensagem de fé, acredito que se o leitor abrir a cabeça não vê religião nele e sim a fé em nós mesmos. Gosto de pensar assim. E temos também duas mulheres que compartilham opiniões, é muito legal!
    E é um livro fino para tanta história ♥

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?

    Parece que esse livro tem um mensagem bem importante para cada um. Eu ainda não o conhecia, mas pela suas palavras, parece ser um livro bem reflexivo, independente da religião de cada um. Isso de você querer mais do livro significa que a leitura vale a pena, e isso me deixou bem animada para poder conhecer a obra. Dica anotada!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente não sou muito desse tipo de história, mas como você bem destacou, parece ser um ótimo presente!! Daqui a pouco o Natal está chegando e vou anotar a dica!!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Eu ainda não tinha visto nenhum post relacionado a essa obra, porém vendo o seu post vejo que ela é bem interessante diga se de passagem rsrs. Fico feliz que tenha curtido muito a obra mas que faltou uma pitada a mais para ter as 5 estrelas rsrs. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Olá! Achei muito fofa a premissa da história, e até fiquei desconfiada e apreensiva sobre o que de ruim aconteceu.. Que bom que é um livro tocante e que gera reflexão. Obrigada pela dica!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  8. Eu não vejo problema algum o livro abordar a fé desse modo, pra ser sincera acaba nos deixando motivamos e acreditando em algo superior para poder seguir em frente, isso é muito bacana! Não conhecia o livro mas achei a mensagem trazida por ele bastante interessante, obrigada por essa dica tão valiosa.

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Amo quando o autor consegue nos fazer ansiar pela vida, por dias melhores e plantar tantas outras sementinhas a medida que vamos lendo.
    Não conhecia esse livro, mas já fiquei ansiosa pra realizar a leitura.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  10. Oie amore,

    Ainda não conhecia o livro, delícia essa parceria heins!
    Gosto de livros que abordam a fé e Deus sob uma perspectiva sem cunho religioso.
    Já anotei a dica por aqui e amei o quote que você escolheu!
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  11. É o tipo de história que eu necessito muito ler. Estou desmotivada, muito cansada da rotina diária, de fazer as coisas porque tenho que fazer e não porque amo. Estudo muito, trabalho muito e no final das contas fico tão desgastada que minha saúde acaba pagando o preço. :( Preciso relembrar a lição das cinco bolas aprendida com o livro O Diário de Suzana para Nicolas, entender que a saúde é uma bola de vidro e o trabalho não.

    É uma história que me faria muito bem. Quero ter a oportunidade de lê-la.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Oi!

    Que bacana esse livro. Eu não tenho nenhuma religião, apesar de seguir muito o budismo e suas filosofias, mas eu tenho fé e gosto mutio de ler/assistir coisas que me fazem pensar, progredir e evoluir. Adorei a indicação, com certeza irei ler!

    beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu já tinha lido algumas resenhas sobre esse livro, mas ele não me chama atenção. Ele me passa muito a sensação de que vou ler um auto ajuda e eu não gosto de jeito nenhum do gênero. Eu não me importo tanto de ler coisas sobre fé, crenças e tudo mais, até porque eu adorei A Cabana, por mais que minhas crenças sejam outras, mas esse livro realmente não me chama atenção.

    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  14. Olá, achei super legal encontrar um livro com meu nome, rsrs. Eu ainda não li ele nem sabia do que se tratava, pena que parece ser tão curtinho, mas mesmo com poucas páginas parece passar mensagens bem bacanas.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Eu me identifiquei muito com essa citação que vc colocou no post. Gostei da proposta do livro, embora não seja muito o estilo de livro que eu leia. Mas acho que vale a pena dar uma chance.
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  16. Bem instigante essa sede que a história pode deixar no leitor em querer mais da vida e se dar mais para a vida. Acho que seria uma leitura que agregaria bastante para mim.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Olá, tudo bom?

    Não conhecia a obra, mas fiquei curiosa com essa premissa. Não sei se é uma leitura que me agradaria, mas acho que pode servir melhor para algumas pessoas, como você disse, que estão desacreditadas. É legal ver como a autora desenvolveu a obra e acho que deva ter uma narrativa interessante e que me deixe com um gosto de quero mais.
    Abraços.

    ResponderExcluir