O que mais há na vida além de barras e pesos? Kim Bok Joo (Lee Sung Kyung) é um fenômeno do levantamento de peso que dedicou sua vida inteira apenas às barras enquanto crescia ao lado de seu pai, Kim Chang Gul (Ahn Gil Kang), um antigo halterofilista. Ela frequenta a Universidade de Educação Física Hanwool, uma universidade cheia de atletas de alto nível que se esforçam rumo ao sucesso com a esperança de representarem seu país em competições nacionais e internacionais. Bok Joo frequentou a mesma escola que Jung Joon Hyun (Nam Joo Hyuk), e o encontra novamente na universidade. Agora ele é um nadador de competição que está tendo problemas para superar o trauma de ter sido desqualificado devido a uma largada queimada em sua primeira competição internacional de natação. Song Shi Ho (Kyung Soo Jin) é uma ginasta rítmica de competição fervorosa que ganhou uma medalha de prata nos Jogos Asiáticos quando tinha 18 anos, mas que devido às pressões envolvidas em seu esporte, acabou terminando seu relacionamento com Joon Hyun. A vida com um único propósito de Bok Joo começa a mudar quando ela se apaixona pelo primo mais velho de Joon Hyun, Jung Jae Yi (Lee Jae Yoon), um antigo atleta que se tornou médico para obesos após sofrer uma lesão que acabou com sua carreira. Irá Bok Joo aprender que há mais na vida além do levantamento de peso? "A Fada do Levantamento de Peso, Kim Bok Joo" é um drama sul-coreano de 2016–2017 dirigido por Oh Hyun Jong. A história é inspirada na vida da halterofilista Jang Mi Ran, ganhadora da medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 2008, medalha de ouro nos Jogos Asiáticos de Guangzhou de 2010 e de 4 campeonatos mundiais. O famoso ator Lee Jong Suk faz uma participação especial para o público no drama.

Esse é um drama muito fofinho que já estava na minha lista a bastante tempo mas que só agora eu consegui assisti-lo. O motivo dele estar na minha lista é pelas ótimas críticas que li a respeito e o fato de eu procrastinar tanto para ver esse drama é porque não curto muito histórias que se passem em escola/faculdade mas, vencido meus preconceitos, aqui estou para indicar essa história para você.



A maior parte da história se passa na faculdade, nossa protagonista Kim Bok Joo é uma das melhores atletas da turma, desde pequena ela se apaixonou pela prática esportiva de levantamento de peso. Ela cresceu sem mãe, o que a deixou ainda mais próxima do pai e do tio que mora com eles. Seu pai, que não pode seguir a carreira de atleta, sempre apoiou muito sua única filha a seguir seu sonho, ele administra um pequeno restaurante junto com seu irmão e dali tira o sustento de sua família. O tio dela é um aspirante a ator que só consegue papel de figurante e é muito azarado no amor. 


Jung Joon Hyun estuda na mesma faculdade que a Bok Joo, ele é um dos melhores atletas da sua turma de natação. Foi criado pelos tios pois sua mãe o abandonou ainda pequeno pois casou-se e foi para o Canadá. Joon Hyun ama muito sua família e até chama sua tia de mãe e seu tio de pai, seu primo também é como um irmão para ele, apesar de também ser muito amado ele sente a falta da mãe. Como já dito na sinopse ele sofre de um trauma que o acompanha o drama inteiro, que só é resolvido depois com o amadurecimento do personagem.


Song Shi Ho, é uma ginasta rítmica e ex-namorada do Joon Hyun, que deveria ser a vilã por querer voltar com o Oppa depois de ter quebrado o coração dele, mas essa garota passa por umas situações bem complicadas e apesar de tudo eu gostei bastante dessa personagem. 


Joon Hyun e Bok Joo se encontram por acaso na faculdade e se recordam que fizeram a escola primária juntos, ela o ajudou quando ele caiu de uma janela alta da escola e foi o primeiro amor dele, aquele amor de criança, sabe? Ele fica muito feliz de reencontrá-la e passa a atormentá-la bastante chamando de “bolota” que era o apelido dela quando criança por ser gordinha mas ele faz isso de um jeito carinhoso e nada ofensivo. Ele não é aquele Oppa escroto que trata mal a garota, só faz aquela zoação de amigo e se reaproxima dela tornando-se amigos novamente. 



Aquele amor de criança acaba voltando mas bem mais forte e ele se apaixona perdidamente por ela, o problema é que ela se apaixona pelo primo dele, sabe aquele que ele considera como irmão? O próprio. 


***

Eu gostei de todos os personagens desse drama, menos algumas ginastas chatas mas elas não importam muito para a história, os professores/treinadores se destacaram mais do que eu achei que seria, as amigas da Bok Joo são ótimas, embora eu acho que a Bok Joo deixou um pouco a desejar na hora de retribuir a amizade, o amigo do Joon Hyun é hilário, e o restante da turma fazem uma contribuição interessante para o drama. 



A história é clichê mas vale a pena, é muito fofo o Oppa tentando conquistar a Bok Joo, aliás o Joon Hyun é fofo em tudo o que ele faz. Será que ele gosta do Messi? 

Esse é  um daqueles dramas bem gostoso de assistir, que você fica com um risinho bobo o tempo todo.



O que me deixa triste é que não encontrei o Joon Hyun no eBay, se você souber onde posso importar um oppa como esse da Coreia me avisa aqui nos comentários. 


Deixe um comentário