Destaques

11 de fevereiro de 2019

Operações Especiais - Filme


Título: Operações Especiais
Ano de lançamento: 2015
Duração: 1h e 30min
Direção: Tomás Portella
Gêneros: DramaAção.
País: Brasil
Nota:3,5/5

Sinopse: Formada em turismo e trabalhando como atendente em um hotel, Francis (Cléo Pires) se anima com a possibilidade de entrar para a polícia civil. Ela presta o concurso e, após ser aprovada, passa a frequentar o curso de habilitação para policial. Trata-se do mesmo período em que ocorreu a invasão no Complexo do Alemão, com traficantes de vários morros cariocas fugindo para cidades periféricas. É o que acontece em São Judas do Livramento, cidade no interior do estado do Rio de Janeiro, que passa a lidar com uma onda de crimes sem precedentes. Para combatê-los é enviada a unidade liderada pelo incorruptível delegado Paulo Froes (Marcos Caruso), que conta com a presença da ainda iniciante Francis. No batalhão ela precisa lidar com a desconfiança dos demais policiais e também com as dificuldades da profissão, dos perigos inerentes ao ofício até a corrupção existente ao seu redor.

Podem falar o que for, mas eu adoro ver os filmes brasileiros. É claro que não são tão bons quanto os filmes de outras nacionalidades, mas temos muitos filmes bons.

Para quem gostou de Tropa de Elite, recomendo assistir também Operações Especiais. Claro que não é um filme tão bom quanto, mas tem a mesma temática.



O filme começa com Francis no trabalho em um hotel, quando começa um assalto nesse local. Tempos depois, ela decide fazer concurso para a polícia pois soube que mesmo com o diploma de turismo, poderia se candidatar.

Logo, Francis começa na polícia e tem que lidar com os trabalhos burocráticos. Além disso, tem que lidar com todos os policias homens duvidando de sua capacidade.

É a mesma época em que o Complexo do Alemão no RJ foi invadido por policiais para a implementação das UPPs (Unidade de Polícia Passificadora).



Francis e outros colegas da polícia são escalados para investigar a onda de crimes na cidade de São Judas do Livramento. O que ela pensa ser um engano, pois é uma policial que lida com papeis. Mas ela foi escalada corretamente. Então o desafio agora é outro, e muito mais difícil.



Eu gostei muito desse filme por conta das questões de empoderamento feminino. De que quando todos duvidavam, ela mostrou que era capaz de lidar com tudo aquilo e também pelo fator humano. Onde em uma das cenas ela acaba ajudando uma pessoa que não precisaria.



Eu assisti esse filme na Netflix, mas infelizmente, ele saiu do catálogo. Mas sempre encontro DVD desse filme em lojas e também pode ser assistido no YouTube.



Até mais. 😊

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

@ManuscritoLiterario

© Manuscrito Literário – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in